Páginas

terça-feira, 16 de julho de 2013

Delicadeza a toda prova!

"Você é seu melhor investimento." Se gostou entre em contato pelo e-mail: katy2marbijux@gmail.com e consulte o nosso preço.
colar e pulseira, colares

A palavra Bijuteria vem do francês Bijouterie, que quer dizer jóia. As bijuterias começaram como amuletos de origem religiosa, comumente usados como amuletos, para proteção pessoal: medalhas, escapulários, cruzes, pulseiras com imagens de santos, etc. O uso não fazia distinção social nem econômica. Assim o uso de diferentes tipos de adornos feitos com materiais menos nobres tornou-se bastante comum.
As bijuterias surgiram em 1929, durante a grande depressão norte-americana, como alternativa à jóia. Logo conquistou seu espaço graças à versatilidade e à variedade dos materiais trabalhados que, não impondo limites à criatividade, adaptavam-se à moda e às tendências. A criação das peças é considerada um ramo da ourivesaria, que trabalha com ligas de metais que imitam o ouro e a prata, e com pedras semipreciosas ou similares de gemas (vidro, plástico etc.).

Nos anos 20, era rara a mulher que não usava acessórios. Usava-se mais o básico dos básicos: um chapéu de copa redonda, umas pérolas de tamanho médio e uma fio de ouro. Nos anos 30, a maquilhagem era moda, as roupas eram mais finas e elegantes e era escusado usar acessórios. Mas havia sempre quem usasse uma pequena malinha e as suas pérolas. Os anos 40, 50 e 60 viveram uma grande explosão de juventude em todos os aspectos. A grande vedeta a nível de acessórios foi sem dúvida nenhuma os brincos grandes e coloridos. A década de 70, utilizavam-se acessórios e tecidos referindo-se às mais diversas culturas. Em 1980 e 1990 o look era muito exagerado. Muitas cores, muitas formas, muitos acessórios.
Atualmente, a bijuteria é um acessório básico e usado por mulheres de todas as idades e estilos que gostam de usar peças alternativas. Basta querer dar um up no visual, transformar o sem graça em algo mais bonito e diversificado. Podendo ser usada desde em festas, no trabalho e no dia-a-dia, a bijuteria muda a cara de uma roupa, dando um ar mais casual, chique ou mesmo fashion, dependendo da peça utilizada e da ocasião. Com a diversificação da moda, cada mulher adquire um estilo diferente, criando a sua personalidade com seus acessórios e complementos. Cada vez mais a bijuteria é usada por atrizes e personalidades, lançando moda e difundindo tendências através das novelas e revistas.

Nenhum comentário: